Dia 77

Um dia calmo, tranquilo…

Ideal  para atualizar o blog, jogar um pouco, conversar…

E, claro, assistir a um show de PROG \o/

Céus, essas manhãs estão começando cada vez mais devagar.

Passo uma boa parte da manhã aqui mesmo no Blog, escrevendo para vocês. Sim, as coisas estão um pouco atrasadas, mas acho que dá pra acompanhar.

Perto da hora do almoço, porém, conversei com o Brian, o colombiano que mora conosco, e ele me perguntou por que eu passei a manhã no computador.

Um dos motivos é que não aconteceu nada – ninguém convidou pra ir a lugar algum, ninguém falou de nada, e eu costumo sair sozinho só quando tenho um propósito (como a umas semanas atrás, na Milan Games Week ).

No final eu disse pra ele: Não se preocupe, sei oq estou fazendo.

Nesse momento lembrei do PROG EXHIBITION, um festival que estava marcado pra novembro (mas não lembrava quando). Ainda bem que eu tirei uma foto do cartaz:

CACETE, É HOJE!

CACETE, É HOJE!

Corri para a internet procurar onde poderia ser a apresentação, quanto custavam os ingressos, a que horas seria, se estava tudo ok, olhei meus gastos do mês, minha lista de coisas a fazer (“vazia”), como, por que….

No final, decidi. Como ninguém com quem falei aqui na Itália havia demonstrado gosto por PROG italiano – que é um subgênero do rock progressivo com características específicas e que nem sempre agradam às pessoas – decidi que era melhor ir sozinho mesmo.

Comprei meu ingresso no site, e indiquei que iria tirar no local. Foram:

  • 30 euros de ingresso
  • 4,50 de pré-venda (eu fiquei tão eufórico que nem me toquei que poderia comprar na hora)
  • 2,10 de comissão de serviço da TicketOne (o site onde comprei o ingresso)

O local do show era aqui perto – o que apenas facilitou a decisão. Conferi tudo que poderia ser necessário, peguei minha bolsa de The Legend of Zelda (melhor que ir com a mochila da faculdade, não?) e preparei a ida:

  • Celulares (o pra ligarem e o pra usar)
  • Dinheiro
  • Documentos
  • Tablet (para retirar o ingresso no local)
  • Água (afinal de contas, tenho que economizar em alguma coisa)
  • Gorro e “Coisa estranha que a nintendo distribuiu na MGW” – a temperatura por aqui beira uns 10ºC durante o dia, quem dirá à noite…

Ah, por que não testar a GoPRO pra tirar fotos do show? Incluí também a câmera e o bastão/tripé dela. Vamos ver oq dá pra fazer 😀

Com tudo isso na bolsa, lá vou eu pro local do show! (umas 18:00.)

Preto. Nunca senti tanta falta de camisetas pretas.

Preto. Nunca senti tanta falta de camisetas pretas.

Peguei o ônibus na frente de casa, andei uns belos 6, 7 pontos (algo entre 3 e 4 km), e desci numa praça na continuação da rua. Foi tipo pegar o biarticulado na frente da UTF pra descer no TRE. Mais uma breve caminhada (tipo uns 500m) e encontrei o local do show.

Um teatro provisório ao lado de um circo.

Ok, curioso isso. O local também foi o mais perto de uma estrada de chão que vi por aqui, com rua asfaltada para os carros, mas terra e lama para os pedestres (eu SABIA que devia ter colocado minha bota).

"No boquera de Milão..."

“No boquera de Milão…”

Luzes fazem milagres em fotos.

Luzes fazem milagres em fotos.

Simpático o lugar, não?

Simpático o lugar, não?

Definitivamente eu não precisava ter pressa...

Definitivamente eu não precisava ter pressa…

Galera alimentando o corpo...

Galera alimentando o corpo…

...e se preparando para alimentar a alma.

…e se preparando para alimentar a alma.

OH NÃO, MERCHANDISING >.< Adeus dinheirinho...

OH NÃO, MERCHANDISING >.<
Adeus dinheirinho…

Comi um sanduíche vegetariano (as outras opções certamente continham embutidos – algo comum aqui na europa) que estava muito gostoso, embora a berinjela pudesse estar mais cozida. Depois disso, tive que largar a maior parte das coisas no guarda-volumes, mas consegui levar a GoPRO e o celular decente para a platéia. Falando em platéia…

THIS IS BIG !

THIS
IS
BIG
!

Começou! A primeira banda é Fiaba!

Começou!
A primeira banda é Fiaba!

No palco, com o chapéu estranho, o vocalista. Não repare na calça.

No palco, com o chapéu estranho, o vocalista. Não repare na calça.

O show de luzes foi bom! Digo, eles tinham um técnico de iluminação trabalhando no festival.

O show de luzes foi bom! Digo, eles tinham um técnico de iluminação trabalhando no festival.

Uma coisa que aprendi essa noite é que a GoPRO não é muito boa pra coisas distantes...

Uma coisa que aprendi essa noite é que a GoPRO não é muito boa pra coisas distantes…

Com uma participação especial! Embora ela não cante como a Ornella, ainda assim canta bem.

Com uma participação especial!
Embora ela não cante como a Ornella, ainda assim canta bem.

Foto geral com todos - inclusive com o baterista. No final, foram duas guitarras, uma bateria, um baixo e um dueto nos vocais. Belíssimo.

Foto geral com todos – inclusive com o baterista.
No final, foram duas guitarras, uma bateria, um baixo e um dueto nos vocais. Belíssimo.

Minha primeira tentativa de gravar as músicas não deu muito certo. Por isso, cacei pra vocês uma das músicas que achei mais bela durante a apresentação:

Infelizmente a gravação não faz jus à apresentação ao vivo. Sério, desculpem por essa galera 😦

Logo após meia hora de apresentação, veio a primeira pausa e troca de palco. A organizadora do evento conversou com o pessoal enquanto contrarregras realizavam a mudança dos instrumentos no palco para a próxima banda. Interessante, eu achei.

Agora, para a próxima banda….

Agorà! Uma flauta, dois violões, um baixo acústico, uma bateria e um violoncelo!

Agorà!
Uma flauta, dois violões, um baixo acústico, uma bateria e um violoncelo!

Um close no violoncelo :D

Um close no violoncelo e violão 😀

Flauta e Baixo \o/ Magnífico!

Flauta e Baixo \o/
Magnífico!

O melhor lugar do palco

O melhor lugar do palco

Tentei algumas fotos com a iluminação, que foi se tornando mais interessante. Ainda não deu muito certo.

Tentei algumas fotos com a iluminação, que foi se tornando mais interessante. Ainda não deu muito certo.

Feel the music.

Feel the music.

Novamente tentei fazer uma gravação do áudio, mas descobri o celular não consegue deixar a gravação em “segundo plano” (basicamente ou foto ou música).

Ainda assim, trago o resultado pra vocês:

http://www.4shared.com/music/9DAPzTojba/Voce_002.html

Logo após, nova troca de palco. Dessa vez um pouco mais demorada, trouxeram teclados, baixo elétrico, guitarras, caixas de som…

Quando a música recomeçou, muita gente ainda estava fora, e veio apressadamente de volta para o show (e atrapalhando uma das minhas gravações…)

Com vocês: Le Orme

Com vocês: Le Orme

Baixo e vocal!

Baixo e vocal!

Na batera :D

Na batera 😀

Guitarra \o/

Guitarra \o/

E um teclado mais louco que cogumelo!

E um teclado mais louco que cogumelo!

Eu já disse que a iluminação estava muito boa?

Eu já disse que a iluminação estava muito boa?

"O que faz esse botão" Ou como descobri mais coisas no meu celular

“O que faz esse botão”
Ou como descobri mais coisas no meu celular

A música deles é incrível. Surreal, futurista.

A música deles é incrível. Surreal, futurista.

A iluminação foi progredindo junto com os sons.

A iluminação foi progredindo junto com os sons.

Temos um quinto elemento! Mais teclas da loucura!

Temos um quinto elemento! Mais teclas da loucura!

Várias cores e efeitos. Logo logo e eu começo a confundir luz e som...

Várias cores e efeitos. Logo logo e eu começo a confundir luz e som…

Por essa eu não esperava. E o tecladista brinca com o guitarrista :D

Por essa eu não esperava. E o tecladista brinca com o guitarrista 😀

Luzes, som, fumaça. Quem precisa de drogas quando se tem PROG?

Luzes, som, fumaça. Quem precisa de drogas quando se tem PROG?

Incrível. Surreal. Maravilhoso.

Tanta música em tão pouco espaço de tempo.

Dessa vez consegui uma gravação decente pra vocês!

http://www.4shared.com/music/HHq4wBsOba/Voce_003.html

Bom, como acabou uma apresentação, isso significa uma nova troca de palco!

Dessa vez realmente longa. Quase meia hora de espera, enquanto tiravam praticamente tudo do palco pra colocar de novo, adaptando o espaço à próxima banda…

Premiata Forneria Marconi *-*

Premiata Forneria Marconi *-*

Eles brincaram dizendo que seria complicado fazer o show do festival em uma hora e meia - estão acostumados a pelo menos três :D

Eles brincaram dizendo que seria complicado fazer o show do festival em uma hora e meia – estão acostumados a pelo menos três 😀

O maior motivo para eu ir ao Prog Festival

O maior motivo para eu ir ao Prog Festival

... estava ali na frente...

… estava ali na frente…

... trazendo loucura apenas com música...

… trazendo loucura apenas com música…

Things got crazy. Depois de hoje eu realmente acho que turquesa e fá maior são uma ótima combinação de sabor.

Things got crazy.
Depois de hoje eu realmente acho que turquesa e fá maior são uma ótima combinação de sabor.

... ao vivo, e à cores.

… ao vivo, e à cores.

Eles recriaram algumas das músicas do "Stato di Immaginazione"

Eles recriaram algumas das músicas do “Stati di Immaginazione”

Cada música do álbum é inspirada em um vídeo - e conta a história, todas foram compostas em dois dias.

Cada música do álbum é inspirada em um vídeo – e conta a história, todas foram compostas em dois dias.

Magnifico.

Magnifico.

Uma participação especial...

Uma participação especial…

Bateria a quatro braços

Bateria a quatro braços

Sucesso.

Sucesso.

Eles ainda tocaram “È Festa”, uma das músicas mais animadas e loucas que criaram.

Foi simplesmente animal.

Hoje vou dormir feliz.

Anúncios

~ por nesello em 2014 11 15.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: